Qual a diferença entre o Enem e o vestibular?

Ana Paula Schuster
Colaborador do Hora Da Facul

Crédito: Pensive puzzled schoolgirl prepares for exams at school bites lips and concentrated aside tries to learn information before math test wears round glasses for vision correction isolated over blue wall

Quem vai prestar o Enem e o vestibular sabe que é preciso estudar muito para as provas. Alguns, no entanto, não têm conhecimento das diferenças principais que as duas apresentam. Afinal, são métodos e correções diferentes, além de cada uma funcionar de uma forma.

Para saber mais sobre a aplicação de cada uma delas, continue lendo este artigo. Assim, você irá entender suas distinções e se sentir mais preparado para realizar ambos os testes.

O Enem e o vestibular: conheça mais sobre o primeiro

Ambos têm o intuito de ajudar o estudante a entrar em uma faculdade. O primeiro é o Exame Nacional do Ensino Médio, que se tornou uma das principais portas para a universidade.

Você sabe como a redação é importante para sua nota do Enem?

Descubra aqui se você está preparado!

É uma prova aplicada em dois finais de semana para todos os alunos que vão concluir o ensino médio no Brasil. Ela é feita de forma simultânea, e serve para avaliar o conhecimento em algumas matérias importantes. As disciplinas cobradas por eles são as seguintes:

  • Ciências da Natureza: Biologia, Química e Física;
  • Bem como, Ciências Humanas: História, Geografia, Filosofia e Sociologia;
  • Linguagens, Códigos e suas Tecnologias: Português, Literatura, Língua Estrangeira (Inglês ou Espanhol);
  • Artes, Educação Física e Tecnologias de Informação e Comunicação;
  • Matemática e suas técnicas.

A prova contém 180 questões de múltipla escolha aplicada para todos os estudantes. Elas são separadas em cadernos de cores diferentes, com as mesmas perguntas em posições distintas.

Enem e o vestibular: veja como entrar na faculdade com o primeiro

O ponto comum entre eles é que ambos possibilitam a entrada na universidade, mas cada um funciona da sua própria maneira.

Sabia que sua nota do Enem pode virar desconto na mensalidade?

Calcule aqui!

Hoje em dia, o primeiro é a principal porta de entrada para as instituições públicas de ensino no Brasil. Para isso, eles utilizam as notas conquistadas no Sisu (Sistema de Seleção Unificada).

Atualmente, o Enem chega também a ser o único processo seletivo de algumas faculdades públicas. Cada uma delas determina uma nota mínima para conseguir ingressar em cada um dos cursos oferecidos, e todo esse processo é feito pelo Sisu.

Os candidatos que atingem essa nota são convocados para ocupar as vagas para as quais concorreram.

Você está preparado para a redação do Enem?

Ela é essencial para você garantir sua vaga na faculdade

Isso acontece com uma ordem de classificação, e é similar entre o Enem e o vestibular. Dessa forma, quanto mais alta for a sua nota, maiores as suas chances.

A nota do Enem

Ela é feita por meio de uma análise das respostas de múltipla escolha e da redação. Cada segmento recebe um valor que deve medir o desempenho do aluno.

Na hora de selecionar o curso, é importante saber que cada um tem um peso diferente. Assim, a escolha deve considerar a média para entender se há chances de você conquistar a sua vaga.

Quer garantir a melhor preparação para o Enem 2021?

O Enem e o vestibular são similares em permitir entrar em faculdades. Além do Sisu, quem faz o exame nacional pode utilizar o Prouni e o Fies, pois eles são formas de financiamentos para quem quer entrar em:

  • Universidades particulares;
  • Conseguir bolsa de estudo;
  • Ou estudar em Portugal.

O Enem e o vestibular: saiba mais sobre o segundo

A prova do vestibular é um nome dado aos processos seletivos de acesso ao Ensino Superior. Portanto, o Enem é uma dessas provas, mas funciona em nível nacional, sendo a maior de todas.

Cada faculdade elabora um método para aplicar suas próprias provas e selecionar os alunos mais qualificados. Dessa forma, em alguns casos, elas são feitas em mais de uma etapa e em várias cidades. Em outros, porém, é tudo realizado em apenas um dia e um local.

Você está preparado para a redação do ENEM?

 

Faça o teste e confira várias dicas

Isto depende do tamanho da universidade e da quantidade de alunos que ela pretende avaliar. Assim, o Enem e o vestibular se diferenciam por um ter muitos métodos, e o outro, não. Além disso, no segundo, é preciso se inscrever para uma opção de curso antes de realizá-lo.

Como os principais vestibulares funcionam

Algumas das faculdades renomadas como USP, Unicamp e ITA têm a sua própria avaliação. Então, elas são moldadas para analisar se os alunos cumprem os requisitos mínimos para entrar em seus cursos.

No geral, as instituições particulares são as que mais utilizam o sistema. Apesar de muitos passarem a considerar o uso do Enem e o vestibular, a segunda opção é a mais tradicional.

Já sabe como se dar bem na redação do Enem?

 

Faça o teste e descubra se você está preparado

Isso acontece porque querem selecionar os alunos que forem mais qualificados a iniciarem seus estudos. Por isso, buscam métodos próprios de análises que possam considerar o estudante apto ou não.

Bolsa de estudo: como o Enem e o vestibular podem te ajudar

Muitas organizações privadas consideram as notas obtidas para oferecer bolsas de estudos. Aliás, essas iniciativas são importantes para conquistar estudantes dedicados, mas que têm poucas condições financeiras.

A estratégia também serve para aumentar o nível nas instituições e para criar chances de se destacar. Por isso, é considerada interessante para os dois lados. Para conseguir uma bolsa é preciso usar o Enem e o vestibular, além de ter boas notas.

O processo pode ser feito diretamente com a faculdade, na hora da matrícula. Existem também sites e plataformas focados em te ajudar a conquistar os descontos, o que torna o Ensino Superior mais acessível a todos.

Quem deseja optar por essa modalidade precisa confirmar com a instituição de ensino se oferece bolsas. Caso a resposta seja afirmativa, pode haver uma negociação com base em seu desempenho.

A diferença entre Enem e o vestibular

Com certeza, a principal delas é o propósito para o qual foram criados. O Exame Nacional surgiu em 1998 para avaliar os conhecimentos dos estudantes do ensino médio do país. Por isso, seu conteúdo de prova sempre foi considerado de nível regular.

O outro já existia há anos, e sempre avaliou o ingresso nos cursos superiores. Após quase 20 anos de existência, ele passou por diversas modificações. Assim, hoje em dia, é usado como uma maneira de entrar em universidades, principalmente as públicas.

Por meio dele é possível ter acesso a vários programas do governo, tendo direito a:

  • Vagas;
  • Financiamentos;
  • Ou ainda bolsas de estudos.

O Enem e o vestibular também oferecem acessos diferentes às faculdades. Isso porque algumas estaduais e boa parte das privadas têm a sua própria prova. Já no Exame Nacional, o aluno escolhe o curso e a instituição quando se inscreve no Sisu. Ficou interessado no Enem? Clique aqui e saiba tudo sobre a edição 2021 do Exame.

O quão útil foi esta matéria?

Clique na estrela para avaliar!

Avaliação média 0 / 5. Contagem: 0

Ainda sem avaliações! Seja o primeiro a avaliar.