As áreas da Farmácia

João Victor Chiaratti Maissen
Profissional graduado em Publicidade e Propaganda pela ESPM com experiências em Marketing Digital, Relações Públicas, Produção de Eventos e Comunicação em negócios das áreas de educação, entretenimento, e-commerce, varejo, entre outros. Estou disposto a ser um grande pensador criativo com uma mentalidade estratégica.
1

Crédito: Foto de Pixabay no Pexels.

É muito comum imaginarmos o farmacêutico como um profissional que atua somente em laboratórios e farmácias. Porém, poucos sabem, mas a graduação em Farmácia prepara os alunos para diversas áreas e setores, alguns passam longe de drogarias e empresas laboratoriais.

O mercado de Farmácia no Brasil conta com um bom nível de empregabilidade. A profissão do farmacêutico ocupou o topo do ranking de empregos formais, sendo a terceira profissão que mais teve contratações formais nos primeiros quatro meses do ano de 2018. Confira a notícia no portal do Conselho Federal de Farmácia.

A pluralidade já começa no próprio na própria graduação, o curso de Farmácia possibilita a atuação em diversas áreas. Assim sendo, o farmacêutico consegue decidir por qual área ele possui mais afinidade. Ao passo que, a faculdade de Farmácia oferece uma grade curricular que explora diversas áreas como Ciências Humanas, Exatas, Biológicas e da Saúde.

Você sabe qual área da Farmácia mais combina com você?

Preparamos um teste especial para você conhecer seu perfil

Portanto, se você está pensando em seguir nessa área, é importante avaliar qual carreira você gostaria de percorrer na indústria farmacêutica. Dessa forma, listamos abaixo algumas das principais áreas de atuação do farmacêutico.

Vamos conhecer um pouco mais sobre as áreas da Farmácia?

Farmácia Clínica

Essa é uma das áreas mais populares da Farmácia, pois as pessoas já estão acostumadas a irem em drogarias e farmácias e lá encontrarem farmacêuticos. Isso se intensificou após o governo aprovar, em 2014,  a Lei Federal nº 13.021, que torna obrigatória a presença desses profissionais nos estabelecimentos. 

Ao optar por esse setor, você irá lidar diretamente com o público, auxiliando pessoas em tratamentos farmacológicos e na escolha correta de medicamentos. Além disso, você realizará pequenas consultas, sempre certificando que os remédios serão utilizados corretamente e na dosagem certa.

Farmácia Industrial 

Seguir carreira na área de indústrias é um percurso bem conhecido pelos estudantes de Farmácia. Isso deve-se ao fato de que é uma profissão bem importante no dia a dia dos brasileiros. Portanto, o profissional que segue nessa linha possui uma grande responsabilidade, pois ele participa dos processos de controle de qualidade de remédios e medicamentos. 

Além do mais, há diversos segmentos na indústria farmacêutica. Como exemplo, a indústria de remédios terapêuticos, a fabricação de cosméticos, a área de pesquisa e desenvolvimento em empresas de medicamentos, entre outros.

Indústria Alimentícia 

Os farmacêuticos também podem trabalhar no setor alimentício. Ao passo que eles são responsáveis pela elaboração de processos e métodos de fabricação e controle de alimentos. O dia a dia dos profissionais de Farmácia que atuam nesse setor abrange a criação de fórmulas alimentícias, análise do nível de toxicidade dos alimentos, fiscalização das normas vigentes, etc.

Farmácia Hospitalar

Essa área da Farmácia trabalha junto com Hospitais, o seu objetivo é garantir que os medicamentos sejam administrados de maneira correta, assegurando que todas as necessidades dos pacientes sejam atendidas. A gestão do setor de Farmácia Hospitalar deve ser extremamente eficaz e organizada. Afinal, o profissional está lidando com vidas. 

As principais funções do farmacêutico hospitalar são:

  • Gestão dos medicamentos pelas alas hospitalares;
  • Orientação dos remédios corretos para cada paciente;
  • Criação de processos eficazes a fim de evitar erros;
  • Garantir a segurança no consumo dos medicamentos;
  • Evitar o desperdício de remédios;
  • Controle de estoque dos fármacos;
  • Cumprir todas as normas de biossegurança.

Farmácia Nuclear

O farmacêutico nuclear é responsável pela gestão e utilização de radiofármacos. Esse setor é valorizado no mercado e permite aos profissionais atuarem em grandes centros de medicina nuclear no país. 

Pelo fato de ser um setor que exige uma grande especialidade, há uma certa carência de profissionais especialistas no Brasil. Portanto, isso garante que os farmacêuticos nucleares consigam alcançar altas remunerações. Mas, é importante ressaltar que essa área exige um alto nível de complexidade, logo o profissional deve investir em um bom nível de especialização.

Farmácia Veterinária

Os animais também precisam de medicamentos no tratamento de doenças. Contudo, os remédios administrados em animais possuem propriedades específicas, bem diferentes daqueles utilizados em seres humanos. Portanto, os farmacêuticos veterinários são fundamentais para o bem estar dos nossos amigos de quatro patas. 

Os profissionais dessa área da farmácia atuam na pesquisa e na fabricação de medicamentos para animais de diversos portes, como cães, gatos, cavalos , entre outros. 

Saúde Pública

Os farmacêuticos também podem exercer sua profissão no setor público brasileiro, atuando em postos de saúde, hospitais públicos e outras instituições. As funções variam de acordo com o local de trabalho, porém, as mais comuns são o controle e administração de remédios, orientação ao público na aplicação de medicamentos, entre outras. Entretanto, por ser uma área muito atrativa, a concorrência é bem acirrada. Assim sendo, o farmacêutico que escolher seguir carreira no setor público deve se dedicar bastante aos estudos e às experiências que a faculdade de Farmácia oferece.

Farmácia Oncológica

Infelizmente o câncer é uma das doenças que mais causa mortes ao redor do mundo. Segundo a Organização Pan-Americana da Saúde, a doença foi responsável por 9,6 milhões de mortes em 2018. Além disso, é um setor da farmácia que vem aumentando, isso é comprovado pela criação da Lei Federal nº 13.021, de agosto de 2014, que tornou obrigatório o acompanhamento por farmacêuticos oncológicos em centros de tratamento de saúde e câncer.

O profissional dessa área da Farmácia é responsável pela administração de medicamentos e remédios nos tratamentos contra o câncer. Portanto, os farmacêuticos oncológicos precisam acompanhar cada caso de perto. 

Outras áreas

Deu para perceber que as áreas de atuação para os farmacêuticos são diversas? Além do fato que cada setor exige habilidades específicas. Além das áreas citadas acima, há diversas outras, confira algumas abaixo:

  • Acupuntura;
  • Administração de laboratório clínico;
  • Administração farmacêutica;
  • Biologia molecular;
  • Bioquímica clínica;
  • Bromatologia;
  • Citologia clínica;
  • Citopatologia;
  • Citoquímica;
  • Gerenciamento de resíduos dos serviços de saúde;
  • Hematologia clínica;
  • Hemoterapia;
  • Histopatologia;
  • Histoquímica;
  • Vigilância sanitária;
  • Virologia clínica.

Você pode conferir todas as áreas da Farmácia no site do Conselho Federal de Medicina, basta acessar esse link.

O que achou das áreas de atuação da farmácia?

O quão útil foi esta matéria?

Clique na estrela para avaliar!

Avaliação média 0 / 5. Contagem: 0

Ainda sem avaliações! Seja o primeiro a avaliar.