Psicologia x Psicanálise: entenda a diferença

João Victor Chiaratti Maissen
Profissional graduado em Publicidade e Propaganda pela ESPM com experiências em Marketing Digital, Relações Públicas, Produção de Eventos e Comunicação em negócios das áreas de educação, entretenimento, e-commerce, varejo, entre outros. Estou disposto a ser um grande pensador criativo com uma mentalidade estratégica.
1

Foto: Descubra a diferença entre Psicologia e Psicanálise.

Muitas pessoas  não entendem qual é a diferença entre Psicologia e Psicanálise. Por isso, venha entender as diferenças entre essas duas áreas.

A faculdade de Psicologia capacita os alunos para estudar a mente humana e o seu comportamento. Sendo assim, ao finalizarem a graduação, os profissionais estarão aptos a realizarem diagnósticos e prevenir doenças e distúrbios mentais.

Contudo, os psicólogos não precisam atuar somente em clínicas ou consultórios. Afinal, o mercado de trabalho da área de Psicologia é bem diversificado. Em outras palavras, os profissionais conseguem atuar em empresas de diversas áreas, dedicando-se à área de Recursos Humanos por exemplo.

Vai fazer vestibular para Psicologia?

Descubra qual área de atuação mais combina com você

 

Além disso, a graduação de Psicologia é uma das favoritas dos brasileiros. Segundo informações divulgados pelo Censo da Educação Superior 2019, a graduação  encontra-se entre os 10 cursos com maior número de  matrículas no Brasil. Confira o resultado aqui.

Portanto, hoje iremos aprofundar os conhecimentos no universo da Psicologia e entender, de uma vez por todas, a diferença entre Psicologia e Psicanálise. Confira!

O que é Psicologia?

Como descrito acima, a psicologia é a ciência que realiza o estudo científico da mente e do comportamento humano. Dessa forma, os estudos dessa área são bem diversos e podem ser classificados em vários sub-campos. Como exemplo, áreas de desenvolvimento da mente humana, processos cognitivos, saúde, esportes e entre outros. 

Para aprofundar um pouco mais, a palavra psicologia foi criada na Grécia antiga, sendo que psyque significa “mente” e logos, que significa “conhecimento”. Logo, essa ciência utiliza processos científicos e sistemáticos de análise, para realizar estudos e interpretações psicológicas. 

Em resumo, a Psicologia utiliza os comportamentos humanos como dados para analisar e estudar teorias, a fim de  entender como a mente funciona. Assim, ela consegue compreender quais são os procedimentos que podem provocar reações positivas e negativas na vida das pessoas. 

Como se tornar um Psicólogo?

Para receber o título de psicólogo, é necessário finalizar a graduação de Psicologia em uma instituição reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC). Segundo ele, a graduação deve oferecer uma carga mínima de 4.000 horas de aulas. Sendo assim, o total de horas do curso deve ser distribuído em cinco anos de estudos. 

Além do mais, há dois tipos de graduação do curso de Psicologia, o Bacharelado ou Licenciatura. Logo, cabe ao estudante decidir qual modalidade ele deseja seguir.

O que é Psicanálise?

Agora que você já descobriu o que é Psicologia, é necessário saber o que significa o termo psicanálise. A psicanálise é um método terapêutico criado por por Sigmund Freud, considerado o pai da psicanálise. Assim, esse método de terapia é baseado nas interpretações de falas, sonhos e comportamentos dos indivíduos.

A psicanálise é uma abordagem inconsciente sobre os sentimentos e emoções das pessoas. Logo, ela consegue compreender como eles afetam o comportamento humano no dia a dia. Os psicanalistas ajudam pessoas com transtornos de ansiedade, depressão e outros tipos. Além disso, ela é utilizada para que as pessoas consigam compreender melhor suas experiências pessoais, como a falta de concentração ou problemas em relacionamentos.

Como se tornar um Psicanalista?

Caso você queira se tornar um psicanalista, é recomendado que você realize a graduação de Psicologia. Contudo, ela não é obrigatória, pois qualquer pessoa pode se tornar um psicanalista. Para isso, ela deve realizar um curso de Psicanálise completo, em uma instituição reconhecida pelo meio. 

Sendo assim, o curso precisa ser amparado pela Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (Lei n° 9394/96), pelo Decreto Federal n° 2.494/98 e Decreto n° 2.208, de 17/04/97. Então, pesquise muito antes de começar o curso.

Existem faculdades de Psicanálise?

Não existe graduação ou faculdade de Psicanálise. Então, não há nenhum curso credenciado junto ao MEC. Portanto, caso você veja alguma instituição de ensino oferecendo a graduação em Psicanálise,desconfie na hora. Além disso, cursos livres também não são reconhecidos pelo MEC. Logo, o único curso de graduação que é relacionado ao curso de Psicanálise, é o de Psicologia. Contudo, como descrito acima, são duas formações diferentes.

Pós-graduação em Psicanálise: é possível?

Na sua jornada no mundo da Psicologia e da Psicanálise, você vai encontrar algumas instituições de ensino que oferecem o curso de pós-graduação em Psicanálise, e outras que oferecem cursos voltados para a formação de profissionais para atuar na área. Porém, essas duas formações são diferentes entre si. Confira as diferenças abaixo:

Pós-graduação em Psicanálise

A pós-graduação em Psicanálise geralmente é oferecida por instituições de ensino superior reconhecidas pelo MEC, ela tem um foco bastante teórico e não oferece um suporte prático para o atendimento clínico.

Cursos de especialização em Psicanálise

Os cursos profissionalizantes ou de especialização em Psicanálise são focados na formação de um psicanalista, com bastante prática clínica. Em resumo, eles são administrados por institutos psicanalíticos e passam pelas etapas de teoria, análise e supervisão. 

Mas afinal, qual a diferença entre Psicologia e Psicanálise?

Deu para perceber que as duas áreas são diferentes, não é mesmo? Apesar de ambas possuírem o psíquico humano como base de estudo, as duas profissões são diferentes em diversos aspectos. Portanto, você precisa compreender muito bem essa diferença, caso você queira seguir carreira na área de Psicologia.

Então, de maneira resumida, a psicologia se baseia em dados sólidos e concretos para fundamentar seus estudos. Enquanto a psicanálise baseia seus estudos no inconsciente, estudando e investigando todas as suas particularidades.

Áreas da Psicologia

Bom, para você que busca se tornar um grande psicólogo, conhecer as possibilidades de atuação é extremamente importante. Afinal, o mercado de trabalho pode ser bem diverso, o que pode ser um pouco difícil na horas de tomar uma decisão.  Sendo assim, conheça algumas das principais áreas:

  • Psicologia Clínica;
  • Psicologia do trabalho;
  • Psicologia Educacional;
  • Psicologia da saúde;
  • Psicologia do trânsito;
  • Psicologia Hospitalar;
  • Neuropsicologia;
  • Psicologia Social
  • Psicologia Jurídica;
  • Psicomotricidade.

E aí? O que achou das diferenças entre Psicologia e Psicanálise? Nós também separamos outras matérias que podem ser interessantes para o seu futuro profissional em Psicologia, confira:

Faculdade de Psicologia: o que saber antes do vestibular

Quanto ganha um psicólogo?

Duração do curso de Psicologia

As principais áreas da Psicologia

O quão útil foi esta matéria?

Clique na estrela para avaliar!

Avaliação média 0 / 5. Contagem: 0

Ainda sem avaliações! Seja o primeiro a avaliar.