O que acontece se você reprova em uma matéria do semestre?

Ana Paula Schuster
Colaborador do Hora Da Facul

Muitos alunos não sabem o que fazer quando se reprova em uma matéria da faculdade. Na verdade, esse é um cenário mais comum do que a grande maioria das pessoas acredita. Acompanhe aqui uma discussão completa sobre o assunto.

Reprovação: entenda mais sobre

Primeiro de tudo, você precisa saber que esta situação – reprovação – é comumente chamada de DP. Assim, o termo quer dizer “dependência na faculdade” e faz parte da linguagem da maioria dos estudantes.

Basicamente, DP é quando você não conseguiu ser aprovado em uma matéria e precisa fazê-la de novo. E isso acontece com bastante frequência. Inclusive, existem casos de alunos que pegam DP em uma mesma disciplina várias vezes.

Reprovar não é motivo para vergonha

Com isso, é importante sabermos que não é motivo de vergonha quando isso acontece. Portanto, quando alguém reprova uma matéria, existem diversas causas para tal. Conheça algumas das mais comuns:

  • Dificuldade em compreender a disciplina;
  • Falta de dedicação;
  • Motivos externos (trabalho, família, problemas pessoais);
  • Faltas excessivas por parte do aluno.

Antes de entender de fato como a DP acontece na prática, é necessário uma noção ampla sobre as disciplinas do ensino superior. Afinal, não é novidade para ninguém que as faculdades têm um esquema bem diferente de uma escola de fundamental e médio.

As disciplinas da faculdade

Uma das grandes diferenças entre a escola e a instituição de ensino superior é que, no segundo caso, você não repete de ano e nem de semestre. Assim, mesmo que você não seja aprovado em uma disciplina, você não reprova de ano.

Cada matéria da faculdade está disposta dentro de um período letivo, é claro. No entanto, elas funcionam de maneira independente. Dessa forma, o aluno tem total liberdade para criar sua grade de horários. É por isso que quando se reprova em uma matéria, não há necessidade de repetir o período letivo inteiro.

A faculdade deixa o aluno criar seu cronograma de aulas

Você pode, no seu primeiro período da faculdade, cursar 5 disciplinas. Porém, no segundo semestre, você arruma um trabalho e resolve cursar apenas 3 matérias. Então, perceba que essa versatilidade facilita muito a vida do aluno.

O grande ponto é que, no final do seu curso, você precisa estar aprovado em todas as disciplinas. Dessa forma, a ordem de como isso aconteceu pouco importa. Contudo, as matérias que exigem pré-requisito não seguem essa lógica.

Neste caso, o estudante precisa ter cursado uma disciplina anterior para se matricular na matéria que exige pré-requisito. Por último, essa é a lógica de funcionamento de uma instituição de ensino superior. Então, é hora de entender o que fazer quando se reprova em uma matéria.

Como se reprova em uma matéria da faculdade?

Quando um aluno não consegue a aprovação em uma disciplina, ele precisa fazê-la de novo. Alguns estudantes preferem fazer isso logo no semestre seguinte de modo a evitar mais atrasos e desmotivação.

Por mais que seja um cenário no qual ninguém gostaria de estar, esta situação não precisa ser motivo de desespero. Então, você pode fazer todas as outras disciplinas do período atual. Claro, as que são pré-requisito não se aplicam.

Um exemplo prático:

Imagine o seguinte exemplo. Alan é um aluno do curso de Biotecnologia e, no primeiro semestre, ele reprova em Estatística e Química Inorgânica. Dessa forma, no segundo período, ele decide que irá fazer as disciplinas do semestre atual.

Isso ao mesmo tempo em que adiciona a matéria de Estatística. No entanto, Alan descobriu que não poderá cursar a disciplina de Bioquímica do segundo semestre. Afinal, Química Inorgânica é pré-requisito para Bioquímica.

Entenda por meio deste exemplo como funcionam os dois tipos de disciplina. De toda forma, haverá um atraso letivo para Alan, ainda que não tão extenso. O mais importante de tudo isso é Alana entender as suas necessidades e agir de acordo com as mesmas.

Faculdades privadas: como acontece uma DP?

No caso de instituições privadas, o esquema é basicamente o mesmo. Porém, quando se reprova em uma matéria, o aluno costuma pagar uma taxa para fazê-la de novo. Isso, sem dúvida, se transforma em uma dificuldade a depender do valor em questão.

Agora, no caso das faculdades públicas, você também tem seus obstáculos. Enquanto na particular se paga, na pública existe a concorrência por vaga. Então, o aluno pode não conseguir cursar a disciplina no semestre que quiser caso todas as vagas sejam preenchidas.

É importante saber disso para ter consciência de que cada instituição apresenta barreiras diferentes. Dessa forma, o estudante precisa sempre lidar com isso da maneira mais inteligente possível. Acredite, o planejamento ajuda muito nesse aspecto.

Dicas sobre o que fazer quando se reprova em uma matéria

Agora que você já entendeu como funciona o esquema de DPs, é o momento de saber o que fazer quando e se você reprova em uma matéria. Abaixo, algumas dicas que ajudam qualquer estudante a passar por essa situação.

1- Nada de acumular DPs

Imagine que um aluno reprovou em uma disciplina. Em seguida, ele acabou desanimando e o cenário se repetiu com outra matéria. Isso é perigoso e pode prejudicar muito o desenrolar do curso. Então, evitar acumular DPs é algo essencial durante toda a formação.

2-  Procure sempre cursar a DP o mais rápido possível

Quanto mais o aluno espera, mais desmotivador fica cumprir essa tarefa. Portanto, o ideal é sempre fazer a disciplina pendente no período seguinte à reprovação. Assim, é possível resolver logo a situação.

3- Cuidado com o desespero

Claro que ninguém gosta de reprovar em uma disciplina. No entanto, é muito importante não se desesperar. Uma dica legal é colocar no papel suas possibilidades e trabalhar com elas.

4-  Foco nos estudos

Quando se reprova em uma matéria, a dificuldade em entender o conteúdo costuma ser o principal motivo. Portanto, o aluno precisa focar bastante nos estudos e pedir ajuda sempre que possível.

Não deixe a reprovação atrapalhar sua jornada universitária!

Imprevistos acontecem, mas isso não pode ser uma barreira para sua carreira profissional. Então, não perca o foco e sempre busque viver a experiência da faculdade da maneira mais interessante possível.

Confira mais conteúdos como este no Hora da Facul clicando aqui.

O quão útil foi esta matéria?

Clique na estrela para avaliar!

Avaliação média 4.5 / 5. Contagem: 281

Ainda sem avaliações! Seja o primeiro a avaliar.