O que o curso de Enfermagem proporciona ao estudante?

Lisiane Mossmann
Colaborador do Hora Da Facul

Crédito: O enfermeiro lidará com pessoas diariamente e terá a responsabilidade de promover o bem-estar delas

Cuidar e salvar vidas. Agir visando sempre o bem-estar das pessoas. Você se realiza fazendo ações assim? Então, o curso de Enfermagem possibilitará exercê-las de uma forma profissional. Afinal, os enfermeiros são aqueles capazes de atuar para prevenir, promover, proteger e restabelecer a saúde das pessoas, trabalhando em parceria com outros profissionais da área.

É uma profissão em alta no mercado. E vá deixando de lado aquela história de que o curso de Enfermagem é para quem não foi aprovado no curso de Medicina. Isso porque o enfermeiro é peça fundamental em todos os segmentos da saúde, tão fundamental quanto outros profissionais do setor. Para quem não sabe, as suas principais funções são:

  • Assistência ao paciente;
  • Realização de diagnósticos;
  • Suporte ao médico;
  • Administração de medicamentos;
  • Realização de procedimentos.

O que se aprende no curso de Enfermagem?

Durante todo o período de formação, o estudante que faz o curso de Enfermagem aprenderá a prestar assistência e a compreender o estado de saúde do paciente, a implementar ações para a promoção da saúde e a coordenar serviços da área. Para isso, terá de cursar aulas teóricas e práticas das áreas de Ciências Biológicas e da Saúde, Ciências Humanas e Sociais e Ciências da Enfermagem.

O conteúdo essencial, segundo determina as Diretrizes Curriculares Nacionais definidas pelo Ministério da Educação (MEC),  deve contemplar três grandes áreas:

  • Ciências Biológicas e da Saúde;
  • Ciências Humanas e Sociais;
  • Ciências da Enfermagem (Fundamentos, Assistência, Administração e Ensino).

Durante a faculdade, também são realizadas diversas atividades práticas em laboratórios. Nos semestres finais, o estudante passa por um estágio obrigatório supervisionado em hospitais, ambulatórios, clínicas, rede básica de serviços de saúde e comunidades para ter contato direto com pacientes.

Quanto tempo leva para se formar um enfermeiro?

A duração média do curso de Enfermagem é de quatro anos. Nesse período, o estudante deverá passar por várias disciplinas voltadas ao funcionamento e à estrutura do corpo humano. Afinal, o foco é deixar o estudante apto a exercer a profissão. Veja algumas disciplinas elencadas pelo Hora da Facul que fazem parte da grade curricular do curso de Enfermagem:

  • Assistência de Enfermagem em Clínica Cirúrgica
  • Assistência em Gestão e Gerenciamento em Enfermagem
  • Enfermagem do Adulto e Idoso
  • Epidemiologia
  • Saúde Comunitária
  • Saúde da Criança e do Adolescente
  • Saúde da Mulher
  • Saúde do Adulto
  • Saúde do Idoso

Atuação no mercado

A enfermagem é uma profissão muito versátil e necessária em diferentes frentes do mercado. Engana-se quem pensa que sua atuação se dá quase que exclusivamente nos hospitais. Além disso, o profissional comumente está na linha de frente de qualquer ação. Sendo assim, depois de uma intensa e extensa formação, o enfermeiro poderá atuar em diferentes áreas. Alguns exemplos mais comuns são:

  • hospitais;
  • home care;
  • ambulatórios de empresas, instituições de ensino e outras entidades;
  • auditorias;
  • gestão de serviços de saúde;
  • ensino e pesquisa na área de enfermagem.

O enfermeiro lidará com pessoas diariamente e terá a responsabilidade de promover o bem-estar delas e também de seus familiares. Algumas dessas pessoas talvez estarão em posição extremamente vulnerável, tornando esse cuidado um grande desafio. Porém, os enfermeiros costumam dizer que as alegrias que a profissão proporciona são muito maiores que os desafios que ela apresenta.

Mas a pergunta é: como se destacar no mercado?

– Elabore um plano de carreira

A primeira etapa para quem quer obter sucesso profissional é o planejamento. Dessa forma, o primeiro passo é elaborar um plano de carreira com metas de curto, médio e longo prazo. E mais: direcione seus ações para alcançá-las. Faça uma linha do tempo com metas, salários, especializações e segmento em que pretende atuar.

– Pratique a resiliência

Pressão e estresse são constantes no dia a dia do enfermeiro. Afinal, esse profissional lida com a vida. Dessa foram, para ter sucesso nessa carreira, é preciso ser resiliente. Em síntese, ser resiliente é ser capaz de suportar as tensões sem se abater, enxergando o lado positivo mesmo nas dificuldades e os momentos de crise como oportunidades de aprendizado. Você precisará desenvolver uma inteligência emocional para aprender a lidar com as diferentes situações cotidianas.

– Saiba trabalhar em equipe

O enfermeiro trabalha, na grande maioria dos casos, em equipe. Por isso, se você quer se destacar, precisa:

  • ter um bom relacionamento interpessoal;
  • dar e ouvir feedbacks;
  • reconhecer seus erros;
  • valorizar o trabalho do outro;
  • e estar pronto para ajudar outro enfermeiro ou técnicos.

– Desenvolva capacidade de liderança

Se está nos seus planos gerenciar equipes, você precisa aprender antes a ser um bom líder. Mas esqueça a ideia de alguém autoritário, que só dá ordens. É preciso saber gerenciar de forma eficiente o trabalho de outros enfermeiros, técnicos e auxiliares para que todos atuem em harmonia. Além disso, o líder deve conhecer o trabalho de cada um da equipe, saber como delegar tarefas e ser ágil na tomada de decisões. Outro ponto importante é mostrar-se sempre disponível para ensinar e tirar dúvidas dos colaboradores.

– Esteja sempre atualizado

Quem quer crescer na carreira de enfermagem precisa estar atualizado, por isso não pode parar de estudar. Existem várias opções de cursos de pós-graduação, como as especializações, e treinamentos que vão trazer aprimoramento técnico-científico, valorizando ainda mais o seu currículo. Além disso, essas formações podem ser interessantes também para você fazer networking.

Muita mais que o técnico

Para ser enfermeiro, é necessário muito mais que habilidades técnicas ou de conhecimentos científicos. É preciso, antes de tudo, empatia. A princípio, o estudante do curso de Enfermagem deve saber saber lidar com pessoas em situação de vulnerabilidade e até em sofrimento.

Dessa forma, a sensibilidade e a paciência são tão importantes quanto saber aliviar a dor, gerenciar equipes ou providenciar a higiene de pacientes.  Mas não desanime. Embora alguns atributos pareçam naturais, eles também podem ser adquiridos e desenvolvidos ao longo de todo o curso.

 

Quer conhecer mais sobre profissões ligadas à área da Saúde? Acompanhe:

Saiba quanto ganha um nutricionista

Diferenças entre Biomedicina e Biotecnologia

O quão útil foi esta matéria?

Clique na estrela para avaliar!

Avaliação média 5 / 5. Contagem: 1

Ainda sem avaliações! Seja o primeiro a avaliar.