Qual curso escolher: Arquitetura ou Design de Interiores?

Lucas Fonseca e Silva
Colaborador do Hora Da Facul

Crédito: Photo by Andrea Piacquadio from Pexels

Se você está prestes a decidir qual faculdade pretende entrar e está em dúvida entre o curso de Arquitetura e o curso de Design de Interiores, essa publicação servirá para tirar suas dúvidas relacionadas a essas duas áreas de atuação. 

Antes de mais nada, você já sabe o que é estudado no curso de Arquitetura? E no curso de Design de Interiores? Venha com a gente e entenda qual a melhor opção para você!

Saiba tudo sobre o curso de Arquitetura

Com uma carga horária com mais aulas práticas do que teóricas, o curso é do tipo bacharelado e possui duração média de 5 anos. Além disso, o estágio e o Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) são obrigatórios para se formar em Arquitetura. 

Está pensando em prestar vestibular para Arquitetura?

 

Preparamos um teste para você descobrir se o curso combina com você

 

Entre os temas tratados durante a graduação, o foco é nas Ciências Exatas e Humanas. Portanto, a grade curricular é composta por disciplinas, como:

  • História da Arquitetura;
  • Ciências Sociais;
  • História da Arte;
  • História da Arquitetura;
  • Desenho Técnico;
  • Projetos Arquitetônicos;
  • Urbanismo e Paisagismo;
  • Planejamento Urbano;
  • Instalações Prediais;
  • Entre outras.

Qual a função do profissional de Arquitetura?

O arquiteto tem como função o planejamento e a criação de ambientes internos ou externos, que atendam, de maneira funcional, as pessoas que se inserem nesses espaços. 

Ainda, o profissional pode atuar em diversas áreas, como o planejamento urbano, construção civil, criação de cenários para produção audiovisual, no design de interiores e outros. Entenda mais sobre algumas dessas áreas de atuação abaixo:

  • Paisagismo: área que elabora projetos para ambientes naturais e espaços abertos;
  • Restauração de edifícios: área que restaura patrimônios históricos e culturais;
  • Planejamento Urbano: planejamento arquitetônico de cidades, bairros e regiões;
  • Comunicação visual: atuação relacionada ao planejamento de cenários para o cinema, vitrines de lojas, televisão e também para campanhas publicitárias;
  • Arquitetura Sustentável: criação de ambientes com uso de materiais e técnicas sustentáveis;
  • Luminotécnica: relacionada a criação de projetos de iluminação.

Saiba tudo sobre o curso de Design de Interiores

Diferentemente do curso de Arquitetura, o curso de Design de Interiores pode ser do tipo bacharelado, mas também admite uma formação do tipo tecnólogo. O primeiro, possui duração média de 4 anos e exige a realização de um estágio e a entrega do Trabalho de Conclusão de Curso (TCC). O segundo, duração média de dois anos, podendo ser uma forma de especialização para profissionais já formados em Arquitetura.

Entre os principais assuntos tratados durante a graduação, podemos destacar disciplinas, como: 

  • História da Arte;
  • História da Arquitetura;
  • Ergonomia e Acessibilidade;
  • Desenho Técnico;
  • Arquitetura Contemporânea;
  • Paisagismo;
  • Comunicação Visual;
  • Luminotécnica;
  • Projetos de Interiores;
  • Gerenciamento de Obras;
  • Entre outras.

Qual a função do Designer de Interiores?

O profissional formado no curso de Design de Interiores possui atuação semelhante à dos arquitetos. Contudo, a função do Designer de Interiores é focada no planejamento da estética interna, como a decoração e o conforto de ambientes.

Sendo assim, consideram-se como áreas de atuação:

  • Desenho de móveis: o profissional pode atuar na projeção e criação de móveis, conforme as necessidades dos clientes;
  • Design de sets: além de poderem trabalhar na criação de cenários para programas de televisão e para o cinema, os profissionais podem atuar com projetos de criação de sets de fotos, cenários para teatros e outros;
  • Decoração de ambientes: a decoração da sua casa pode ser toda projetada por um designer de interiores;
  • Consultoria: o aconselhamento especializado também pode ser uma função para esses profissionais;
  • Gerenciamento de projetos: diz respeito ao acompanhamento de obras na compra de materiais, objetos e outros aspectos para decoração interna.

Qual a diferença prática entre esses dois cursos?

Apesar de admitirem diferentes diplomas profissionais, ambos os cursos são correlacionados, pois, fazem parte de áreas semelhantes de atuação no mercado de trabalho.

Ademais, o curso de Arquitetura possui uma formação mais ampla. Assim, você pode ter o melhor dos dois mundos e trabalhar também com planejamento e criação de ambientes personalizados. 

Neste contexto, vale ressaltar que, a Arquitetura é a profissão que se relaciona tanto com o planejamento de áreas externas, quanto de áreas internas. Por isso, tem também importante atuação na parte estrutural dos projetos. Isto é, além da decoração, os arquitetos são responsáveis pelo planejamento estrutural da obra, junto aos profissionais de Engenharia Civil.

Dessa forma, os profissionais formados podem atuar tanto na construção civil, como no planejamento urbano. 

Já em relação ao curso de Design de Interiores, a formação é muito mais específica, pois o foco é em preparar profissionais para atuar no planejamento e criação de ambientes internos. Por esse motivo, o curso do tipo bacharelado não é tão escolhido e, consequentemente, o principal foco é a especialização de profissionais já formados em Arquitetura.

Como escolher entre a Arquitetura e o Design de Interiores?

Antes de tomar sua decisão, veja em qual dos cursos se sentiria mais confortável e motivado para seguir uma carreira profissional.  O seu perfil e suas habilidades pessoais também podem ser decisivos para a escolha do curso ideal. Por isso, sempre avalie bem as duas opções.

Além disso, a Arquitetura pode ser o caminho mais viável, caso você pretenda atender a um mercado mais amplo. E, a partir dessa graduação, você também tem a possibilidade de se especializar em diversas áreas pertinentes à profissão.

No entanto, se você busca um campo de atuação mais específico e objetivo, a área de Design de Interiores pode ser uma excelente opção. Neste aspecto, as oportunidades nesse segmento ainda tendem a crescer, pelo fato da profissão ainda não ser uma carreira tão consolidada no mercado de trabalho.

Por fim, o último fator crucial para a escolha do curso, pode ser a duração da graduação. Se você pretende passar mais tempo estudando e ter uma formação completa no planejamento de ambientes, a Arquitetura vai suprir seus desejos. Por outro lado, caso você queira entrar no mercado de trabalho mais rapidamente, o curso de Design de Interiores possui menor duração e serve para você ingressar como especialista nesse segmento.

Gostou do conteúdo? Deixe nos comentários o que achou desse post e tire outras dúvidas!

https://horadafacul.vestibulares.com.br/mercado-de-trabalho/quanto-ganha-um-arquiteto/

https://horadafacul.vestibulares.com.br/mercado-de-trabalho/descubra-areas-da-arquitetura-e-urbanismo-nao-tao-conhecidas/

O quão útil foi esta matéria?

Clique na estrela para avaliar!

Avaliação média 0 / 5. Contagem: 0

Ainda sem avaliações! Seja o primeiro a avaliar.