O que é psicologia cognitiva comportamental?

Renata Arruda
Comunicadora, escreveu para veículos como Canal Lifetime, Huffpost Brasil, Scream & Yell, revista O Grito!, revista Plaf, entre outros. Atua como redatora de conteúdo generalista, sendo colaboradora fixa do site Letras.mus.br e Hora da Facul.
1

Crédito: Foto de cottonbro no Pexels

No campo da Psicologia, existem vários tipos diferentes de abordagens terapêuticas. Dentre as mais conhecidas, podemos citar a psicanálise, o behaviorismo, a psicologia humanista, a psicologia analítica e a psicologia cognitiva comportamental, também conhecida como terapia cognitiva comportamental (TCC).

Essa corrente consiste em uma união entre a terapia cognitiva e a terapia comportamental, um tipo de psicoterapia focada em como a maneira que alguém compreende as informações pode gerar sofrimento.

No artigo abaixo, você vai saber mais sobre o que é psicologia cognitiva comportamental e como se tornar um terapeuta nessa área. Confira!

Vai fazer vestibular para Psicologia?

Descubra qual área de atuação mais combina com você

 

O que é psicologia cognitiva comportamental?

A psicologia cognitiva comportamental é uma abordagem terapêutica que identifica padrões de crenças, hábitos, pensamentos e comportamentos. Criada no início dos anos 60 pelo neurologista e psiquiatra estadunidense Aaron Beck, ela procura agir na raiz dos problemas a partir de determinadas técnicas.

Seu objetivo é identificar as chamadas distorções cognitivas, ou seja, as crenças e pensamentos disfuncionais de cada um. Para essa abordagem, não são os acontecimentos em si que nos afetam, mas a maneira como os interpretamos.

Mais conhecida como terapia cognitiva comportamental (TCC), este método terapêutico é indicado para o tratamento de diversos transtornos psicológicos e emocionais como:

  • Depressão;
  • Ansiedade;
  • Transtornos psicossomáticos;
  • Transtornos alimentares;
  • Fobias;
  • Traumas;
  • Dependência química.

A terapia cognitiva comportamental também ajuda durante processos difíceis da vida e auxilia os pacientes em determinas situações como:

  • Luto;
  • Divórcios;
  • Demissões;
  • Perdas;
  • Estresse;
  • Separações;
  • Dificuldades na aprendizagem;
  • Dificuldades no relacionamento.

O que é a terapia cognitiva comportamental na prática?

O foco desta abordagem é auxiliar o paciente a modificar comportamentos, crenças e hábitos distorcidos, relacionados a uma determinada situação específica, que podem estar gerando o seu sofrimento.

Inicialmente, o terapeuta realiza uma entrevista completa com o paciente, buscando entender o seu estado mental. Ao longo das sessões, o profissional irá identificar os padrões disfuncionais ou mal adaptativos e ajudará o paciente a corrigir esses padrões, o auxiliando a encontrar formas de pensar e agir mais funcionais. 

Assim, o indivíduo conseguirá, aos poucos, desenvolver sua personalidade, adquirindo autonomia para lidar com suas questões por conta própria.

Principais técnicas utilizadas na terapia cognitiva comportamental:

A TCC é uma abordagem ampla, que permite que inúmeras técnicas sejam utilizadas ao longo do processo terapêutico. Entre as mais utilizadas estão:

  • Aumento da consciência do paciente para que sejam identificados os agentes que provocam determinados comportamentos ou sintomas;
  • Registro e monitoramento de informações como sentimentos, emoções e pensamentos que sejam relevantes ao tratamento;
  • Reversão de hábitos, para que o paciente seja capaz de melhorar sua percepção sobre episódios estressantes e aja de forma mais adequada;
  • Controle do estresse, por meio de técnicas de respiração, relaxamento e exercícios de consciência.

Para quem a terapia cognitivo comportamental é indicada?

A terapia cognitivo comportamental é indicada para todos: crianças, adultos e idosos, tenham ou não algum transtorno mental. Contudo, ela é especialmente recomendada para os seguintes casos:

  • Transtornos de ansiedade;
  • Transtorno obsessivo compulsivo (TOC);
  • Síndrome do pânico;
  • Depressão;
  • Fobia social.

Pessoas com diagnóstico de distúrbios psicológicos normalmente precisam de 10 a 20 sessões de TCC. O curto tempo de duração se deve ao fato deste método ser prático e específico. As técnicas utilizadas irão depender do perfil de cada paciente e são altamente eficazes.

Como é o curso de psicologia cognitiva comportamental?

Embora os fundamentos teóricos desta abordagem sejam ensinados ao longo da graduação em Psicologia, o curso em terapia cognitiva comportamental é oferecido como pós-graduação.

Ao longo da especialização, o aluno aprende técnicas para auxiliar o tratamento de transtornos, manias e vícios. Ele também desenvolve habilidades terapêuticas para um melhor atendimento em consultório.

Como é o mercado de trabalho para quem estuda psicologia cognitiva comportamental?

Como muita gente sabe, a Psicologia é uma área popular no Brasil. Isso significa que a concorrência pode ser acirrada. Assim, profissionais altamente qualificados, que se mantêm atualizados, têm mais chances de se destacar na carreira.

Quem se especializa nessa área encontra oportunidades de atuação em consultório, psicologia hospitalar ou seguir carreira acadêmica.

Optar pelo atendimento clínico pode ser especialmente lucrativo, uma vez que esta abordagem é uma das mais procuradas pelos pacientes brasileiros. 

No setor hospitalar, o terapeuta irá atuar oferecendo apoio psicológico a pacientes terminais, assim como também oferecer suporte na preparação de pacientes em geral. 

Já a área acadêmica é voltada para quem procura realizar pesquisas relacionadas à terapia cognitiva comportamental ou se tornar professor universitário.

Atendimento online: uma nova opção 

Com as medidas de distanciamento social impostas devido à pandemia de covid-19, o atendimento online se popularizou no Brasil. Atualmente, são inúmeros profissionais que atendem principalmente pela internet, alcançando pacientes de todas as regiões do país.

A consulta psicológica à distância é regularizada pelo Conselho Federal de Psicologia (CFP) e deve ser feita de acordo com as diretrizes de metodologia, tecnologia utilizada e atendimento.

Quanto ganha o terapeuta cognitivo comportamental?

O salário do terapeuta especializado pode variar, uma vez que cada profissional tem a liberdade de cobrar um valor diferente em suas consultas clínicas. 

Entretanto, o site Salario.com.br, utilizando dados oficiais do Novo CAGED, informou que a média salarial do terapeuta no Brasil é de R$2.785,12, em uma jornada de 33 horas semanais.

A faixa salarial pode ir de R$2.507, para profissionais em início de carreira, e chegar até a R$5.429, no caso de quem trabalha em regime CLT.

A terapia cognitiva comportamental é uma abordagem diretiva, eficaz, de curta duração e que se foca diretamente no problema do indivíduo. Se você se identificou com o método, vale a pena pesquisar a fundo este e outros, antes de decidir em qual deles irá se especializar.

E agora que você entendeu o que é psicologia cognitiva comportamental, aproveita para ler também o que você precisa saber antes do vestibular de psicologia e fique bem preparado para as provas!

O quão útil foi esta matéria?

Clique na estrela para avaliar!

Avaliação média 0 / 5. Contagem: 0

Ainda sem avaliações! Seja o primeiro a avaliar.