Como se tornar um jogador profissional de League of Legends?

Felipe Cortinas
Comunicador, jornalista, documentariasta e analista de marketing. Especializado em SEO e em estratégias de marketing inbound. Experiência como social media e criação de designs e vídeos em campanhas publicitárias. Gerenciamento de campanhas de Google Ads e SEO Local. Criação de sites e lojas online. Fotógrafo de eventos, videomaker e documentarista.
1

Hoje em dia, existem muitas pessoas que querem se tornar jogador profissional de League of Legends em sua comunidade, e a disputa pode parecer difícil e até opressora.

O fato de existirem atletas profissionais ganhando milhões de dólares por ano de salário ajuda a tornar a profissão bastante atraente, mas muitos jogadores realmente habilidosos assumem que tudo que é preciso é apenas obter uma classificação elevada. Embora isso seja algo importante, não é a única coisa que você precisa considerar agora.

Obviamente, a maioria das pessoas lendo este texto não terá pressa para se tornar um jogador profissional de League of Legends, mas é importante repassar algumas das coisas que são realmente importantes para aspirantes a jogadores profissionais de e-games.

Aqui estão as dicas de um analista que jogou no Team Liquid, uma das equipes de e-sports mais bem sucedidas do mundo.

Coisas que você precisa fazer se quiser ser um jogador profissional de League of Legends

Naturalmente, o caminho a ser seguido será extremamente regrado, baseado em disciplina, além de seguir regras e cronogramas. Os treinos devem ser feitos com as devidas pausas, assim como as horas de descanso.

Atingir o Challenger ou de forma realista

Definitivamente, algo que qualquer aspirante a profissional deve ser capaz de fazer é atingir o nível Challenger ou o conhecido ‘Desafiante’. Existe uma diferença de habilidade muito grande entre alguém que não é para alguém que sempre termina a temporada como desafiante..

Ser ao menos nível Mestre prova que você leva o jogo a sério e mostra que no momento você sabe como melhorar e praticar sua jogabilidade. Há muito que você pode fazer para passar de mestre para desafiador, seja trabalhando nas mecânicas ou conhecimento do jogo.

Mas, você precisa estar pelo menos neste ponto se está começando a tentar se tornar um jogador profissional. A maioria das organizações vai procurar o melhor dos melhores, ou seja, muita competitividade.

Claro, isso pode ser mais fácil para algumas pessoas do que para outras, porém fazer um nome para si, como um bom jogador, nunca vai prejudicar suas chances.

Ao atingir este nível de jogo, você aparecerá para diversas equipes de e-sports que vão pensar em você ao fazer suas listas de jogadores. No entanto, para que isso ocorra é necessário comprometimento.

Muitos jogadores simplesmente não têm tempo para usar e manter a classificação de Challenger e isso é algo que as equipes podem ajudar. Porém, não espere que qualquer organização séria pague um cachê de repente: isso é um trabalho gradual e lento.

Fazer networking

O networking pode ser descrito como: conhecer pessoas e trocar informações com elas sobre assuntos determinados, e faz parte da construção de uma carreira de sucesso nos e-sports.

Vamos supor que você construiu uma base realmente sólida de conhecimento sobre a cena e está relaxando em uma colocação muito alta no Challenger. Provavelmente deve existir alguém assim que compartilha seus conhecimentos, que consequentemente chegam à comunidade.

Se você ainda não evoluiu no jogo é porque está perdendo as conexões necessárias com pessoas da indústria que podem significar qualquer coisa, desde streamers, gerentes de equipe, coachs e até mesmo outros jogadores.

Quanto mais pessoas você conhece, mais facilmente encontrará oportunidades de se juntar a alguma equipe de e-sports. Obviamente você não precisa sair por aí perguntando se alguém precisa de um jogador.

Mas, também existe o potencial de você mesmo montar uma equipe, e há muitos jogadores que estão desesperados por chances de provar seu valor. Fazer amigos com os quais você pode se associar para participar de competições amadoras sempre será uma boa ideia.

Quanto mais conexões amigáveis você tiver, maior será a chance de que alguém te recomende. Então tentar fazer amigos em vez de inimigos enquanto sobe de ranking é uma ótima ideia.

Não seja tóxico(a)

Existem jogadores profissionais que são conhecidos por serem tóxicos, mas a melhor chance de se tornar pro player é sendo bom com todas as pessoas.

Trabalhe e se comunique com sua equipe. Se as pessoas souberem que você é uma boa pessoa será bem mais fácil se encaixar em um ambiente de equipe, e facilita para que você receba a mensagem de algum de seus contatos ou que te recomendem em primeiro lugar.

E se você é um jogador tóxico, será necessário passar por muito mais dificuldades se quiser trilhar o caminho profissional dos e-sports.

Use as mídias sociais e seja “comercializável”

Um fator que foi realmente esquecido pelos aspirantes a profissionais é a importância de ser visto nas mídias sociais e gerar engajamento. Uma opção é fazer lives na Twitch, uma plataforma de streaming de jogos.

Ou então, faça vídeos, ao vivo ou não, em lugares onde as pessoas podem seguir você, assim é possível gerar novas conexões mais facilmente. Quanto mais lugares você estiver disponível, mais facilmente você será visto.

Se você apenas joga League of Legends e não usa nada mais, será muito difícil para as equipes ou jogadores saberem que você existe. Um bom exemplo é criar uma conta no Twitter para talvez postar seus clipes.

Por lá você pode marcar jogadores profissionais, levantar questões e até compartilhar os links de suas lives. Com o tempo, se tornará bem mais fácil você ser seguido até mesmo por jogadores profissionais e quem sabe poder ter uma partida junto.

Tente construir uma boa audiência ou, pelo menos, fazer uma tonelada de amigos dentro da cena e você terá muito menos problemas quando se trata de networking com grandes entidades, como equipes profissionais.

Se você pegar dois jogadores que atuam de forma idêntica no mesmo campeão, mas um deles tem um grande público na Twitch, você pode apostar que a equipe vai pegar aquele com a maior presença online.

No entanto, essa é apenas mais uma variável que pode determinar sua entrada como jogador de e-sports profissional ou não. E a melhor parte, é que caso dê tudo errado você pode ser tornar uma personalidade streamer como milhares de brasileiros que vivem disso.

O quão útil foi esta matéria?

Clique na estrela para avaliar!

Avaliação média 0 / 5. Contagem: 0

Ainda sem avaliações! Seja o primeiro a avaliar.