5 áreas para quem quer trabalhar com Gestão da Inovação

Vanessa Zampronho
Colaborador do Hora Da Facul
1

Crédito: Foto de Matheus Bertelli no Pexels

O profissional de Gestão da Inovação é quem vai liderar projetos para criar novos produtos e trazer novas soluções criativas. É o que as empresas vêm buscando nos últimos anos: formas diferentes de gerenciamento e produção.

Assim, o gestor de inovação tem uma flexibilidade para trabalhar em vários setores diferentes, da indústria de transformação aos prestadores de serviços. Afinal, novidades e criatividade são bem vindas em qualquer ambiente.

Para quem quer entrar logo no mercado de trabalho, ou quer fazer uma segunda graduação para turbinar o currículo, é uma boa opção de curso. Com três semestres de duração, o curso de Gestão da Inovação tem disciplinas que vão da Administração à Criatividade.

Como é o curso de Gestão da Inovação

Ele é oferecido na modalidade superior tecnológico, tem três semestres de duração e é feito no sistema EAD. Na grade curricular, os alunos terão aulas de Modelos de Gestão. Para saber gerenciar uma equipe, é importante conhecer métodos de Administração. Podem servir de inspiração para o futuro profissional.

Outra matéria que faz parte da grade é a de Marketing para a Inovação. São formas diferentes de divulgação dos produtos e serviços que vão chamar a atenção dos clientes. A de Pesquisa e Inteligência de Marketing já trabalha com a parte de investigação dos gostos do consumidor. Com isso, o gestor pode pensar em novas ideias a partir das opiniões dos clientes.

Não dá para falar de inovação sem falar da criatividade. Uma disciplina do curso trata desse processo mental, que é o que vem com as novas ideias para os problemas. O aluno vai ter inspirações para poder pensar em novidades enquanto profissional de Gestão da Inovação. E ele vai ter uma grande gama de áreas para trabalhar, vamos conhecer algumas.

  1. Administração

É onde ele mais vai atuar. E Administração já é um campo extremamente amplo. É ele quem vai gerenciar as mais variadas áreas da empresa. Pode ser no setor de Recursos Humanos, Operacional, Logística e Linha de Produção. Isso para ficar em alguns exemplos. O profissional de Gestão de Inovação pode trazer novas ideias para velhos problemas.

Assim, os resultados do seu trabalho podem vir em formas mais ágeis e efetivas para se contratar novos funcionários, ou lidar com novidades na conservação do patrimônio. Pode também imaginar soluções sobre o uso de carros da empresa, de forma a tornar esse serviço mais econômico. Ou como fazer rotas de distribuição de produtos para ser mais rápido e gastar menos combustível. Entre outras soluções. Afinal, nesse setor, o profissional de Gestão da Inovação vai trabalhar basicamente para fazer mais com menos.

  1. Contabilidade

Da mesma forma que a Administração, toda empresa precisa de alguém que lide com a Contabilidade. Pode ser tanto por meio da contratação de um profissional externo quanto ter um departamento especializado. E não é para menos. É o contador que vai controlar o quanto de dinheiro entra e sai da empresa. Ele precisa saber disso para orientar os diretores sobre como usar o lucro ou sanar os prejuízos.

É aqui que o gestor da inovação faz a diferença. Ele não vai assinar os balancetes, mas pode trabalhar para encontrar uma solução para os prejuízos. No contato com o contador, ele pode sugerir maneiras de estancar a saída de dinheiro. Ou, caso haja lucro, como usar esses valores a mais em favor da própria empresa. E nem sempre são soluções caras ou complicadas: o profissional de Gestão da Inovação pode ter ideias simples e eficazes.

  1. Marketing

Nesse departamento, a criatividade parece que fica ainda mais aflorada. É aqui que são criadas as campanhas de divulgação da marca. Assim, os consumidores terão confiança para investir no seu produto e não no do concorrente.

Ter um gestor de inovação no departamento de Marketing traz ainda mais soluções inovadoras. Pode ser por meio de uma forma diferente de se divulgar o produto, ou até mesmo atuar na criação de algo novo. Fazer o consumidor sentir que tem necessidade de adquiri-lo e ele imaginar ‘como ninguém pensou nisso antes’. Ele vai trazer formas de se chegar a uma solução engenhosa de maneiras criativas.

  1. Logística na Gestão da Inovação

A Logística é uma área que vem crescendo muito nos últimos anos. O processo de acompanhar a chegada de matéria-prima e a entrega do produto final está se tornando ainda mais sofisticada. Assim, as empresas conseguem entregar suas mercadorias mais rápido e sem avarias. O gestor de inovação vai encontrar formas de gerenciar todo esse processo, para facilitar o trabalho de quem lida com os estoques e com o carregamento dos caminhões.

Isso também diz respeito à gestão dos estoques. Como controlar, de maneira eficiente, tudo o que tem lá, sem ter de deslocar pessoas o tempo todo para essa conferência? E fazer o recebimento de insumos e demais materiais? O profissional de Gestão da Inovação poderá pensar em formas criativas de lidar com isso, com métodos novos e simples.

  1. Tecnologia da Informação

Aqui temos as novidades a todo momento. São novos programas de computador, que vão auxiliar o trabalho de empresas variadas. Ou aplicativos de celular. Ou sistemas de proteção de dados bancários. É importante sempre pensar tanto em resolver problemas quanto evitar que eles apareçam.

O especialista em Gestão da Inovação atua na parte de criação de novos produtos. Assim, ele pode ouvir as demandas dos clientes sobre os problemas dos produtos atuais, por exemplo. Com isso, ele sugere soluções viáveis para a equipe técnica responsável. Essas reclamações podem se tornar também novos softwares.

O mesmo acontece com aplicativos de celular. Há aplicativos para tudo, e por trás deles, sempre há alguém que pensou adiante. E depois que eles são criados, não imaginamos nossa vida sem eles.

Para a área de segurança da informação, o gestor pode atuar no planejamento e verificação de possíveis formas de invasão dos sistemas de banco de dados. Ele precisa ser mais ágil que os criminosos, que conseguem burlar esses sistemas de segurança. Assim, o profissional de Gestão da Inovação precisa estar antenado com a tecnologia.

Gostou desse conteúdo? Então fique com a gente e leia também sobre O que faz um gestor da inovação?

O quão útil foi esta matéria?

Clique na estrela para avaliar!

Avaliação média 0 / 5. Contagem: 0

Ainda sem avaliações! Seja o primeiro a avaliar.